4 Dicas de Design Gráfico para Designer Instrucional



Vamos compartilhar dicas para design visual em eLearning? Ao ler isto você vai ser capaz de criar um curso online mais envolvente e atraente para o seu público, mesmo que você não esteja familiarizado com os princípios de design gráfico.

Sem dúvida, os designers instrucionais passam incontáveis horas escolhendo o conteúdo adequado para seus cursos de eLearning. Eles também fazem o seu melhor para garantir que a navegabilidade seja suave e sem “encherão de linguiça”. No entanto, há um elemento essencial do desenvolvimento do cursos online que geralmente são esquecidos…

Isso não quer dizer que os designers instrucionais não prestem atenção ao apelo estético de seus cursos online. Porém, muitas vezes é no quesito – A QUEM SE DESTINA A FORMAÇÃO – que pouco tempo é dedicado. Criação de um curso de e-learning com design visual deslumbrante não tem que ser demorado ou estressante. Existem alguns truques simples e diretos que podem ajudá-lo a retomar o design visual dos seus cursos de eLearning que ajudam elevar a qualidade do que é oferecido. Vamos ver?

1. O espaço em branco é permitido.

Embora você pense que enchendo as páginas com texto, imagens e gráficos irá proporcionar um design visual eficaz para o seu curso eLearning, isso pode realmente tirar o seu valor global. É por isso que o espaço em branco não deve ser temido. O conteúdo que não é relevante, deve ser deixado de fora: como material complementar. Se isso não ajuda os alunos a atingirem suas metas ou objetivos, em seguida, eles podem acessar esses conteúdos de maneira a ter um suporte didático. O espaço em branco também se aplica ao texto de páginas. Mantenha o texto curto e sutil, para que os seus alunos possam efetivamente adquirir as informações realmente necessárias sem que fiquem sobrecarregados por uma abundância de conceitos ou idéias simultaneamente. Use pontos e o negrito para quebrar blocos de texto ou destacar principais lições. Por exemplo: para enfatizar uma citação instigante ou pergunta, coloque-o sozinho em uma tela.

2. Preste atenção às cores e fontes.

Cores e fontes podem parecer pequenos detalhes na sua lista de suas prioridades durante o desenvolvimento de seu curso eLearning certo? ERRADO. Essas pequenos e aparentemente insignificantes detalhes fazem toda a diferença. Tanto o tipo de fonte quanto a cor escolhida pode agitar emoções internas em seus alunos. Como tal, eles são parte muito importante de sua estratégia de design visual. Por exemplo, se você quiser aumentar a criatividade dos seus alunos antes de um importante trabalho de grupo, então você pode usar laranja que é considerada a cor do otimismo, da comunicação e estimulação mental. Da mesma forma, se você usar vermelho, você pode capturar sua atenção e dar uma sensação de urgência. Isso torna ideal para destacar os conceitos-chave que devem ser aprendidas imediatamente, ou oferecer uma palavra de cautela para os seus alunos. A mesma regra aplica-se aos tipos de letra. As fontes elegantes podem transmitir uma sensação de sofisticação e relaxamento, enquanto as fontes modernas pode refletir um senso de profissionalismo.

3. Opte por imagens que não são apenas relevantes, mas atraentes também.

Há um monte de considerações que devem ser levadas em conta no processo de seleção de imagem quando você está projetando seu curso online. É sobre o tema? Ela reflete a imagem de marca? Será que vai ajudar a trazer os alunos um passo mais perto de alcançar seus objetivos de aprendizagem? No entanto, enquanto a relevância é a chave, a imagem que você escolher deverá também ser emocionalmente atraente para os alunos. Deve fazê-los se sentir ligados ao assunto e motivá-los a aprender mais sobre o conteúdo proposto. Fotos e gráficos devem provocar o pensamento, afinal as imagens podem ser muito mais poderosas do que o texto escrito. Também é importante mencionar que você pode usar avatares ao tentar aprimorar o design visual e aumentar a absorção de conhecimento. Isso vai ajudá-lo a orientar os seus alunos e tornar o assunto mais relacionáveis.

4. Nunca subestime a importância da hierarquia visual.

O que aparece em primeiro lugar na página será visto como o mais importante na mente dos alunos. Como tal, os principais conceitos e idéias, perguntas que você deseja destacar, e qualquer outra informação essencial devem ser colocadas na parte superior da tela e também devem ser feitas para destacar do resto do conteúdo ou a aparência. Coloque fronteiras em torno dele ou use uma fonte personalizada para diferenciá-los dos demais elementos de informação. Além disso, lembre-se que os alunos estarão lendo da esquerda para a direita, de modo que, qualquer coisa que apareça no lado esquerdo da tela será percebido como sendo uma prioridade quando seus alunos estão absorvendo determinada informação. Isso não significa que todo o conteúdo deve ser colocado sobre no canto superior da tela, é claro!! Se você sente que os alunos precisam obter dar maior atenção para determinado conteúdo coloque-o no lado esquerdo e equilibre-o com uma imagem relevante no lado direito obrigando-o a dar atenção ao outro lado da tela. Lembre-se: você é o cientista da formação. Você é quem determina onde o aluno vai…

O design visual devem orientar o foco dos alunos e não distraí-los. O design visual do seu curso online não deve ser a estrela do show. Ele não deve distrair os alunos daquilo que é verdadeiramente importante, que é a matéria de fundo. Em muitos aspectos, a concepção visual não deve ser notada. Ele deve produzir emoções internas nos alunos e fazê-los se sentirem imersos na experiência geral de aprendizado, mas devem alcançar todas essas coisas “por trás dos bastidores”.

Certifique-se de que todos os elementos de design visual que você incluiu refletem com precisão tema geral e a sensação que você quer atingir com essa formação. Estas dicas de design visual podem ajudar os alunos a se tornarem capazes de reter o conhecimento que aprenderam e colocá-lo em uso na realidade de suas vidas.

IDI Instituto de Desenho Instrucional


0 visualização