A Revolução Tecnológica chegou aos Sistemas de Gestão Corporativos.



Vou começar a escrever este artigo sugerindo uma reflexão corporativa...

Pense um pouco:

"Como funcionam as empresas hoje, principalmente, a empresa em que você trabalha"

Qual o nível de dependência que ela tem de pelo menos um sistema?

Ainda está difícil de formar uma imagem concreta em sua cabeça?

Então imagine que faltou eletricidade.

Ficou bem mais fácil, não é? R: CAOS!!!!

Bem.... Se a sua empresa sofreu pouco impacto com a queda de luz e continua funcionando sem maiores impactos, nem leia o restante deste artigo.

QUAIS SÃO OS SISTEMAS MAIS ENCONTRADOS NAS EMPRESAS ATUALMENTE?

Em empresas de grande porte, é regra geral, os sistemas que rodam são de grande porte (SAP, Oracle, Totvs, entre outros, mas não fuge muito destes “caras”). Qualquer semelhança com o mercado de operadoras de Telecom, dominado por poucos, é coincidência...risos

Estes são os chamados ERP (Enterprise Resource Planning), os “sistemões” que controlam a empresa de ponta-a-ponta, que custam milhões, são engessados e fazem sua empresa casar - em comunhão total de bens - com um dos grandes “players” do mercado.

Como este mercado de grandes empresas não é tão grande quanto as empresas que o formam, os grandes “players” estão atacando diretamente as medias empresas. Coitadas delas...Mas este é um tema pra outro artigo, no futuro.

E falando das pequenas e médias empresas, aquelas que empregam mais de 80% dos trabalhadores em nosso país: as que não acreditaram no discurso dos grandes “players” ou possuem recursos limitados, normalmente têm sistemas desenvolvidos com linguagens de programação antigas, rodando em servidores locais (ou de maneira adaptada pra nuvem), com enormes dificuldades de manutenção e atualização.

“- Ruim com ele, pior sem ele”!!! É a frase que melhor representa a linha de pensamento dos colaboradores destas empresas.

O fato é que, hoje, na Era da Informação, quase empresa nenhuma sobrevive sem um sistema de gestão. Ahhh...E, pelas deficiências que eles têm, o complemento com planilhas em Excel é obrigatório.

Por incrível que pareça já são mais de 25 anos que nossas empresas funcionam com este conceito.

FINALMENTE UM NOVO CONCEITO PARA OS SISTEMAS DE GESTÃO

ADORO INOVAÇÃO! AMO CONCEITOS VISIONÁRIOS! Não é a toa que batizei o nome da minha empresa de INNOVISION (Inovação com VIsão)!

Vou relacionar algumas tecnologias MUITO inovadoras e relevantes. Pense bem em cada uma, pois através delas vou embasar a minha linha de raciocínio e visão de FUTURO:

- LEGO: o tempo não passa para o conceito da construção em blocos;

- WINDOWS: o sistema operacional que roda em mais de 90% dos computadores em todo o mundo e há mais de 20 anos. É padrão de compatibilidade com tudo;

- CELULARES: o conceito de mobilidade que tanto facilitou nossas vidas;

- INTERNET: todo mundo ligado, o tempo todo;

- NUVEM: tudo como serviço, disponivel o tempo todo, sem necessidade de investimentos na estrutura de sua empresa

- APP STORE: A Apple lançou e fez com que este conceito ganhasse o mercado: baixe um aplicativo na hora para atender qualquer demanda especifica.

Que tal agora reunirmos todos estes conceitos e aproveitá-los para o mundo dos sistemas?

Que tal o sistema da sua empresa ser um conjunto de blocos, todos compatíveis entre si, que você monta do seu jeito, usa onde e quando precisar, conecta todos os colaboradores diretos e indiretos da empresa pela internet, ficando hospedado na nuvem, pagando como serviço pelo uso, com a facilidade de baixar através de uma loja de aplicativos?

Como empresário com mais de 20 anos de mercado, É TUDO QUE SEMPRE SONHEI.

E vai dizer você que não pensa como eu?

ESTE É O CONCEITO QUE VAI DOMINAR O MERCADO DE SISTEMAS A PARTIR DE AGORA.

AGORA????

SIM!!!!

Parece impossível?

Eu procuro, em meus artigos, não defender apenas um “player” de mercado.

Mesmo tendo algumas preferências pessoais, procuro citar outras referências.

Mas a Microsoft saiu na frente – não tenho dúvidas que outros virão – mas, na minha visão, o 2º colocado, quando existir, ficará muito distante do 1º em relação ao “Market Share”.

O nome da plataforma? DYNAMICS 365. Este é o nome do conceito revolucionário para o mundo dos sistemas corporativos, principalmente em empresas de pequeno e médio porte.

Nos EUA já está disponível. Acesse o site da Microsoft para maiores informações. No Brasil já está chegando. Considere 2017 como o ano que vai entrar em produção.


AUTO-SUFICIÊNCIA: E agora? Posso me virar sozinho?

Imagino que depois de saber que você tem acesso FÁCIL a um modelo de sistema que vai revolucionar a sua empresa, você quer saber se poderá resolver tudo sozinho, sem o apoio de profissionais especializados de TI, não é mesmo???

SERÁ QUE VOCÊ VAI SE “LIVRAR” DE CONSULTORES COMO EU , e EMPRESAS COMO A MINHA?

A resposta é: tanto quanto você não precisa mais de médicos, advogados e contadores! Ou marceneiros, encanadores e eletricistas!

Ufa.... Ainda terei condições de garantir o leite pra minha amada filha!!! Risos

Brincadeiras à parte e, muito pelo contrário, falando MUITO sério, este novo panorama sem dúvidas facilitará demais a vida do usuário final.

Dependendo da disponibilidade de tempo e conhecimento, você mesmo poderá se virar sozinho com esta plataforma, e ser o seu próprio consultor e suporte de TI.

A questão principal é saber se valerá a pena, principalmente se o seu objetivo for extrair o máximo destas revolucionárias ferramentas e plataformas, e irá trazer o melhor resultado financeiro para sua empresa.

Fazer por conta própria sempre parece mais barato. E muitas vezes é. Mas quase nunca traz o melhor benefício. É o que a minha experiência diz.

E, se o meu exemplo não é o melhor, vem a minha memória a história de sucesso financeiro do ex-jogador de futebol Ronaldo “Fenômeno”, que ganhou muito dinheiro enquanto jogava.

Ronaldo sempre disse que a grande razão dele não ter apenas mantido, mas sim multiplicado o seu patrimônio foi o fato dele ter sempre contratado os melhores profissionais para tratarem dos assuntos que ele não dominava. Segundo ele: “mesmo pagando caro, sempre valeu o investimento”.

Por hoje é isto. BEM VINDO AO NOVO MUNDO DE SISTEMAS e, assim como o grande exemplo que acabei de citar, se precisar de mim, ESTOU “NA ÁREA˜!!!

E já que falamos de um de muitos problemas de TI que acontecem nas empresas, que tal você refletir a respeito do assunto?

Renato Grau renatograu@innovision.com.br www.innovision.com.br

Fonte: https://www.linkedin.com/pulse/revolução-tecnológica-chegou-aos-sistemas-de-gestão-esqueça-grau


51 visualizações