6 Erros que Você Deve Evitar no Desenvolvimento de Treinamentos para EaD



Treinamento corporativo geralmente não é considerado divertido e emocionante. Isso pode colaborar para seu público ser relutante e distraído, mesmo antes de acessar o ambiente virtual de aprendizagem. No entanto, você tem o poder de transformar essa experiência de aprendizagem, e tornar seus alunos corporativos em participantes dispostos no processo de treinamento on-line. Por onde começar? Evitando 6 erros que atrapalham qualquer treinamento online:

#1. Pensando que todos os funcionários têm as mesmas necessidades, metas e preferências. Criar cursos de formação on-line "genéricos" que não se concentram nas necessidades do seu público pode reduzir drasticamente a aceitação do seu curso de formação on-line. Cada aluno corporativo deve se sentir como se o curso de formação on-line foi destinado a ele, em certa medida, independentemente de seus antecedentes ou experiência anterior. Personalizar seu programa de treinamento on-line requer que você determine qual sistema de entrega de conteúdo alternativo é melhor para seu público corporativo, como apresentações multimídia ou Podcasts, e descobrir suas necessidades e objetivos pessoais.

#2. Não pôr a teoria em prática. Aprender algo é uma coisa, mas ser capaz de colocar o que você aprendeu em prática é outra. Seus alunos corporativos devem ter a oportunidade de aplicar seus conhecimentos em habilidades dentro do curso de treinamento on-line, simulações, jogos de eLearning e outras atividades on-line baseadas no mundo real. Se você enfatizar os benefícios e aplicações reais do assunto, seus alunos corporativos também estarão mais motivados para participar.

#3. Sobrecarrega-los com muita informação. Os funcionários querem receber informações vitais e, em seguida, seguir em frente com o resto de suas atividades. Assim, não há nada mais frustrante do que ter que sentar-se através de um curso de formação de meia hora apenas para coletar aquela pilula de conhecimento que precisam para o trabalho. Cursos de treinamento on-line mais longos devem ser divididos em pequenos módulos ou aulas para evitar a sobrecarga cognitiva.

#4. Falta qualquer forma de entretenimento ou motivação. Treinamento corporativo geralmente não é sinônimo de diversão e motivação. Isto é o que faz com que os funcionários temam a sua próxima sessão de treinamento on-line. No entanto, você tem o poder de colocar o prazer de volta para a experiência de treinamento on-line, aumentando o valor de entretenimento. Por exemplo, você pode adicionar vídeos e-learning, música de fundo e games para captar sua atenção e realmente tornar o treinamento on-line mais atraente.

#5. A liderança é mal informada ou mal equipada para treinamento on-line. Sua equipe de liderança deve ter as ferramentas on-line e os conhecimentos que precisam para fornecer a melhor experiência de treinamento on-line possível. Isto inclui a gerência, os instrutores, e todos os outros que oferecem a orientação ou o mentoria a seus empregados. Há poucas coisas piores do que sentar-se para um treinamento quando é óbvio que o facilitador não tem nenhuma experiência ou conhecimento com o assunto.

#6. Mostrando-lhes a linha de chegada, mas não incluindo quaisquer sinais de trânsito. Cada curso de formação on-line deve ter objetivos claros e objetivos que seus funcionários devem alcançar. No entanto, você não pode esperar que seus alunos corporativos cheguem ao final, se você não liderar o caminho. Se o objetivo de aprendizagem é muito complicado, então você pode dividi-lo em marcos menores. Você também deve fornecer-lhes todas as ferramentas, tecnologias e atividades on-line que eles precisam para atingir seus objetivos finais.

Use estas 6 dicas para criar uma visão coesa e organizada para o seu programa de treinamento on-line, para que seus funcionários estão prontos e dispostos a participar no processo.

IDI Instituto de Desenho Instrucional

#erroaocriarcursos #treinamentosead #ferramentasdeautoria #dicasparacriarcursosonline #dicascursosead

0 visualização