5 Dicas para Incluir Humor em Cursos Online



Há um limite muito tênue entre o uso interessante e indicado do humor na EaD, com o que não é indicado, afinal, o que um aluno pode achar hilário, outro pode achar ofensivo. Por esta razão, vamos compartilhar uma variedade de dicas que podem ajudar você a usar eficazmente o humor em seus cursos de eLearning ou eventos de treinamento on-line, para que você possa caminhar com sucesso nessa linha tênue entre divertido e educativo.

1. Pesquise seu público para avaliar cultura, experiência e personalidade.

Indivíduos com origens e experiências diferentes, tanto pessoais como profissionais, têm ideias diferentes sobre o que é engraçado e o que é desagradável. Assim, é preciso entender bem o cenário, o publico alvo e personalidade deste, para descobrir sua definição de humor. Ao se dedicar à esse exercício de observação, você poderá ter uma noção do que a maioria deles achariam divertido. Se você quiser ir mais longe, você pode até mesmo realizar um grupo de focal onde você pode mostrar clipes que apresentam vários tipos de humor, ou histórias que oferecem diferentes abordagens humorísticas, de modo que a determinar o que pode efetivamente trabalhar em seu curso eLearning .

2. Não deixe o humor ofuscar o assunto.

O problema com o uso do humor é que ele pode muito facilmente ofuscar o assunto, desviando os alunos do que realmente tem valor, em termos de conteúdo. Ao usar o humor no eLearning, enfatize o objetivo, e o torne mais divertido, mas nunca deixe o humor roubar o show. Por exemplo, se você está integrando uma história humorística em seu curso eLearning, não deve incluir tantos personagens engraçados ou elementos que seus alunos se distraiam a ponto de não se aterem ao objetivo. Use humor com moderação, para que você não perca credibilidade, e para que seus alunos ainda possam ver os benefícios reais ou aplicações do seu curso eLearning.

3. Crie histórias divertidas e exemplos para destacar o assunto.

Piadas, citações espirituosas e cenários interativos divertidos não são a única maneira de trazer humor em seu eLearning. Na verdade, você pode criar histórias e exemplos da vida real que destacam o assunto enquanto entretem seus alunos. Histórias e exemplos também os ajudam a se relacionar mais profundamente com o conteúdo, o que significa que eles são mais propensos a se tornar imersos e envolvidos na experiência educacional que você criou para eles.

4. Mantenha o tom otimista e motivacional.

Uma das dicas mais valiosas para usar o humor no eLearning é mantê-lo inspirador e positivo. Evite usar o humor que é grosseiro, auto depreciativo, ou qualquer outra variedade de inteligência que tenha um tom negativo ou conotação. Se isso vai ofender alguém de alguma forma ou fazer a pessoa se sentir, mesmo remotamente, desconfortável, não use. Cada instância de humor que você usa deve transmitir um tom otimista, para que seus alunos se sintam motivados a aprender e inspirados a fazer o seu melhor.

5. Como e quando usá-lo.

Use o humor com sabedoria, de modo que você seja capaz de reter o verdadeiro valor da experiência global de eLearning. Saber onde você deve usar o humor durante todo seu curso é crucial. Em alguns casos, ele tem o poder de aliviar a tensão ou estresse, como antes de um grande exame, e em outros, pode servir como uma ferramenta altamente eficaz para tornar o assunto mais “chato”, como é o caso quando ele é usado em storytelling ou Exemplos do mundo real. Portanto, você vai querer prestar muita atenção às emoções que você está tentando criar através do uso do humor no eLearning, para que você possa integrá-lo de forma poderosa e significativa.

Essas dicas podem ajudar você a adicionar humor a qualquer entrega eLearning. Basta lembrar, como é o caso de todas as coisas boas, humor deve ser usado com moderação. Além disso, mantê-lo relevante, alegre, e sempre considerar o fundo do seu público, a fim de envolver, em vez de ofender.

IDI Instituto de Desenho Instrucional


65 visualizações