6 Dicas para Desenhar Cursos para Nativos Digitais



A geração nascida entre os anos 1980 e 2000, os “Millennials”, espera que o mundo mude para se adequar a eles, e eles existem em números para que isso aconteça. Uma das áreas mais recentes que Millennials estão pressionando por mudanças é a de eLearning. Muitas empresas recorrem ao eLearning para implementar programas de treinamento, oferecer oportunidades de aprendizado ampliadas para os funcionários e garantir que os novos módulos de aprendizagem estejam disponíveis quando estiverem concluídos. Mas o que o eLearning parece para esses “Millennials”, e como as empresas podem se certificar de que eles estão oferecendo os programas de treinamento certo para esses novos trabalhadores? Aqui estão 6 maneiras pelas quais os Millennials estão mudando a indústria de eLearning.

1. A Experiência com Tecnologias

Millennials são freqüentemente chamados de primeira geração de "nativos digitais", cresceram com computadores e smartphones. Isso faz com que eles se sintam super confortáveis com ferramentas digitais e sabem como fazer a tecnologia funcionar para eles.

Eles não estão satisfeitos com os métodos tradicionais de aprendizagem. Uma palestra de duas horas vai aborrecê-los, e não obter resultados bons. As empresas que criam programas de treinamento voltados para este grupo precisam rever os padrões.

2. Aprendizagem On-The-Job

Os Millennials tendem a mudar rapidamente de um trabalho a outro. Eles esperam aprender rápido o que cada trabalho que têm e, muitas vezes, tomar uma posição específica para que eles possam aprender conteúdos associados diretamente ao trabalho, em vez de se preocupar com assuntos em geral.

Uma maneira que as empresas podem se beneficiar é focalizar e oferecer oportunidades excepcionais de aprendizado no local de trabalho. Criar oportunidades de educação à distância em toda a empresa, financiar a educação on-line contínua para os trabalhadores, são estratégias que as empresas adotam que ajudam seus funcionários a aprender, além de manter esses funcionários por mais tempo.

3. Entender o porquê

Millennials foram criados para entender por que eles estavam fazendo alguma coisa, e foram desencorajados de seguir cegamente a liderança. Os melhores programas de treinamento para Millennials irá ajudá-los a abordar os prós e contras de por que eles estão fazendo algo no trabalho.

Pesquisas monstram que os funcionários que entendem por que uma tarefa está sendo concluída são mais propensos a manter o treinamento e completá-lo com precisão do que aqueles que são instruídos a fazê-lo sem indicar o motivo.

4. Formação Interativa

Quando a geração mais velha pensa em eLearning, eles imaginam perguntas de múltipla escolha apresentadas em uma tela de computador. Os Millennials têm algo diferente em mente, querem apresentações multimídia que são interativas e envolventes. Isso não significa ser chamativo. Significa que eles ficarão mais envolvidos acessando um vídeo do YouTube, do que aquelas series de telas de PPT.

5. Microlearning

Milennials tem curva de atenção decrescente, embora algumas pesquisas indiquem que eles têm um período de atenção média, eles são mais propensos a ficarem entediados e desinteressados.

Para combater essa falta de atenção, projete seu treinamento com conteúdos e informações curtinhos, padrão microlearning. Alterar atividades e apresentações para manter os músculos ativos e o cérebro envolvido.

6. Gamificação

De nossas milhas áreas aos nossos Pokemon Go, nossa sociedade ama recompensas. Milennials, em particular, abraçaram recompensas digitais , especialmente quando são apresentados como "gamification". Recompense seu aluno para envolve-lo!

IDI Instituto de Desenho Instrucional


74 visualizações