Google Slides para E-Learning



Neste artigo, você vai encontrar algumas dicas úteis sobre como tirar o máximo proveito do Google Slides em EAD, assim como você, pode rapidamente criar apresentações poderosas para seus alunos.

Hoje vou apresentar algumas maneiras de utilização do Google Slides que podem ajudá-lo a fazer o seu curso EAD ou E-Learning mais envolvente e eficaz.

1. Guarde todas as apresentações de E-Learning em um local centralizado – a nuvem.

Você não tem que se preocupar em perder o webinar ou slideshow que você passou dias criando, pois você pode armazenar todas as suas apresentações de eLearning em um lugar seguro: a nuvem. Isso significa que você pode acessá-los em qualquer lugar, a qualquer hora, mesmo em seu dispositivo móvel. Por exemplo, se você está esperando por uma reunião e uma idéia surge de repente, você pode imediatamente adicioná-la à sua apresentação de slides através do Google. Você tem a capacidade de manter suas apresentações atualizadas regularmente, sem dedicar uma grande quantidade de tempo e esforço para o processo.

2. Compartilhar slideshows e módulos de formação com os alunos.

Com o Google você pode compartilhar apresentações, webinars, módulos de treino, e quaisquer outras apresentações instantaneamente. Basta compartilhar o link com os seus alunos, a fim de oferecer-lhes acesso à sua apresentação. Uma das vantagens mais significativas do Google Slides é que, na maioria dos casos, é mais fácil de usar e compartilhar do PowerPoint. Este é um recurso ideal para os profissionais de e-Learning que precisam fornecer aos alunos as suas apresentações em uma base regular pois eles podem compartilhar a criação com grupos específicos. Para exemplificar: se você quiser contar com a ajuda de colegas profissionais de E-Learning ou outros professores para terminarem uma apresentação, você pode compartilhar um link privado com eles. Por outro lado, se você pretende que um determinado grupo de alunos veja uma apresentação, você pode conceder acesso apenas aqueles específicos desses.

3. Incentivar os alunos a modificar apresentações para as atividades de colaboração em grupo.

A colaboratividade está aí e não há como negar! Criar projetos em grupo e trabalhos baseados no Google Slides incentiva seus alunos a interagirem e colaborarem com seus pares. Peça-lhes para criar uma apresentação de slides que fala sobre as idéias centrais que aprenderam eLearning. Ao longo do curso trabalhem em conjunto para desenvolver uma apresentação exploratória sobre um assunto em particular. Para exemplificar: Peça aos seus alunos para produzirem coletivamente um slideshow sobre uma tendência dentro de sua indústria ou ofereça um guia passo a passo para um processo específico. Cada aluno deverá ser capaz de modificar facilmente ou adicionar aos slides de apresentação através do Google.

4. Baixe apresentações para criar materiais didáticos impressos.

Você pode baixar as apresentações que você criou e convertê-las em material impresso. Por exemplo, se você estiver participando de uma oficina de treinamento, onde você não terá acesso à internet, você pode optar por imprimir a apresentação, a fim de dar aos alunos um guia do treinamento. Da mesma forma, os alunos podem, portanto, imprimir a apresentação por si mesmos caso tenham a necessidade de tê-lo em forma de apostila para referência futura. Apresentações Google Slides podem ser baixadas em PDF, formatos PPT ou TXT.

5. Incorporar suas apresentações Google slides em eLearning seu site.

Pensou que era só isso? rsss… O Google Slides também pode ser incorporado diretamente em seu website ou curso EAD/E-Learning e atrair novos alunos a uma experiência mais significativa. Alunos potenciais poderão obter um vislumbre da alta qualidade e apresentações visualmente atraentes oferecidas em seu site. Afinal os alunos atuais cada vez mais buscam as apresentações mais interativas e imersivas possíveis.

6. Insira vídeos YouTube para aumentar o envolvimento do aluno ampliar.

Ahammm. A cereja do bolo!! Google Slides apresenta mais essa característica de integração de vídeo! Você pode usar para inserir vídeos do YouTube em suas apresentações, pode transformar qualquer apresentação de slides numa experiência interativa e envolvente, sem ter que gastar rios de dinheiro com a produção de vídeos de produtos personalizados (as produtoras de vídeo que não leiam isso!!! rsss…). Para exemplificar, se você já tem uma série de webinars enviados para o YouTube ou vídeos informativos que você acha úteis aos seus alunos, você pode simplesmente inserí-los em sua apresentação e compartilhar o link. Este, portanto, faz com que o processo de aprendizagem mais conveniente, e os alunos não tenham que pesquisar manualmente na web para buscar vídeos relacionados ao tema,: porque tudo que eles precisam está num único um local centralizado. Portanto, você pode inserir imagens em suas apresentações, tornando-o simples e fácil de personalizar a sua apresentação e fornecer aos alunos com gráficos e fotos que efetivamente ilustram a idéia ou conceito.

Importar arquivos existentes de EAD/E-Learning no Google slides rápido, barato e conveniente. Se você já tiver arquivos em formatos PPTX ou pps, você pode importá-los para o Google Slides. Isso lhe dá a oportunidade de converter apresentações e compartilhá-las facilmente com os alunos ou colaboradores, além de armazená-los remotamente em nuvem.

Provavelmente, você já passou que uma grande quantidade de recursos para produzir as apresentações que você já tem. PORTANTO, teste o Google Slides pois ele permite que você não perca tempo e dinheiro dedicado ao desenvolvimento de suas apresentações anteriores em vão.

Felizmente existem empresas focadas na disseminação de ferramentas excelentes e de baixo custo. Agora que você conhece mais uma dica de implementar suas idéias então por que não começar a integrar esta ferramenta inestimável em sua estratégia de eLearning / EAD?

IDI Instituto de Desenho Instrucional


0 visualização