Coaching Acadêmico vs. Tutor: Quais são as Principais Diferenças?



Não podemos negar o papel do tutor nos dias de hoje é muito mais de facilitador do processo de aprendizagem do que efetivamente indutor do conhecimento.

Foi-se o tempo em que os alunos eram meros expectadores de conteúdos. Hoje alunos e professores são sujeitos ativos no processo formativo e ambos são considerados propulsores de conhecimento.

Assim sendo, uma das tendências para a Educação 4.0 – Educação do futuro é o papel do professor como coach, preparador de futuros profissionais. O papel do orientador como facilitador, como indutor e personalizador do processo de aprendizagem dos seus alunos.

E não é diferente no meio acadêmico.

O coach ou treinador acadêmico visa ensinar aos alunos a se tornarem aprendizes efetivos. Simplificando o processo, ajuda-se os alunos com o processo geral de aprendizagem. Os alunos recebem diretrizes sobre como abordar a escola e ferramentas úteis que podem ajudá-los a enfrentar os desafios quando ocorrem.

Por outro lado, um tutor ajuda os alunos com um assunto específico pelo simples motivo pelo qual o aluno teve um desempenho fraco nesse assunto.

Um aluno não precisa ter notas ruins para receber ajuda de um treinador acadêmico. Os treinadores/coachs acadêmicos existem para ajudá-los na organização das tarefas escolares e no gerenciamento do tempo. Isso ajuda a reduzir o estresse e melhorar seu desempenho geral no trabalho escolar.

Aqui estão algumas idéias para ajudá-lo a entender as principais diferenças entre tutoria e treinador/coach acadêmico.

1. Preparando para trabalhos de casa

Você sempre encontrará algum estudante pedindo ajuda com a escrita online. A maioria dos tutores ajuda os alunos a terminar sua tarefa a tempo. Em comparação, os treinadores acadêmicos ajudam os alunos a estabelecer uma rotina para melhorar as habilidades de funcionamento executivo, ao mesmo tempo em que criam bons ambientes de estudo. A longo prazo, irá ajudá-los a aprender a fazer sua lição de casa e gerenciar seu tempo de forma independente.

2. Preparando-se para testes e exames

Os tutores estão envolvidos na preparação dos alunos para testes e exames específicos, dependendo do assunto em que se especializam. Por outro lado, os coachs acadêmicos ensinam os truques dos alunos para estudar para qualquer exame. Como resultado, os alunos podem usar os recursos disponíveis, fazer perguntas e entender tudo sobre o assunto. O treinamento acadêmico prepara os alunos para atingir os mais altos níveis acadêmicos de educação e lidar com os desafios reais da vida efetiva.

3. Desenvolvimento de habilidades efetivas de função

Para alcançar o sucesso a longo prazo, os alunos precisam aprender habilidades gerenciais. Infelizmente, os tutores não ensinam isso. Os treinadores acadêmicos entendem como a tomada de decisões e as habilidades funcionais são importantes para o sucesso de projetos futuros. Os treinadores acadêmicos ensinam as habilidades da função executiva aos alunos para fazê-los entender as etapas necessárias para o processo e como passar por essas etapas e descobrir o tempo necessário para finalizar um determinado projeto no horário. Eles enfatizam a importância de quebrar as grandes atribuições em tarefas gerenciáveis ​​menores e completá-las uma a uma. Os treinadores acadêmicos também sabem como fornecer o suporte necessário para ensinar ao aluno o básico de lidar com projetos assustadores e torná-los gerenciáveis.

4. Desenvolvimento de abordagens de estudo eficazes

Estudantes com deficiências de leitura - como a dislexia - podem achar difícil estudar por conta própria, e alguns podem até comprar documentos de pesquisa online. No entanto, com programas de leitura que envolvem treinamento, eles podem se destacar no básico da leitura. Quando outros níveis de aprendizagem estão envolvidos, como a estrutura da frase e os vocabulários, os alunos precisam de ajuda de um especialista profissional. Se estudar é sobre entender em profundidade um certo capítulo - digamos - uma história de ficção, então os treinadores acadêmicos podem ser muito eficazes. Estratégias efetivas de leitura são ministradas por professores que têm um forte domínio da língua inglesa.

5. Desenvolver habilidades de escrita eficazes para artigos/trabalhos

De vez em quando, os alunos precisam melhorar suas habilidades de escrita. Os treinadores acadêmicos fazem o seu melhor para ajudar esses alunos através de testes e ensaios específicos. Isso envolve ensinar-lhes a procurar informações, organizar essas informações em idéias lógicas e depois escrever um argumento claro para apoiar suas pesquisas. Isso exige que o aluno aplique algumas habilidades de gerenciamento de projetos. Os treinadores acadêmicos os ajudam a se preparar para esse processo. Eles têm ferramentas acadêmicas úteis que ajudam no ensino de habilidades de escrita e ajudam o aluno a prever o que o professor pode fazer em uma prova. Se um aluno precisa de ajuda para melhorar suas habilidades de escrita, eles podem se beneficiar muito de um treinador acadêmico do que com um tutor.

Para encerrar, o coach ou treinamento acadêmico é sobre ensinar aos alunos as habilidades e políticas necessárias para aprender. Também requer um treinador acadêmico para apoiar o aluno enquanto eles embarcam no processo ao repetir o processo uma e outra vez até que eles o entendam e se tornem confiantes em sua aprendizagem. Tutoria é sobre ajudar os alunos a entender um assunto específico para que eles possam ter um bom desempenho nesse assunto específico. Embora os dois possam ser confusos, este artigo irá ajudá-lo a limpar quaisquer dúvidas.

IDI – Instituto de Desenho Instrucional


0 visualização