5 Dicas para Criar uma Ótima Experiência de Treinamento On-line


Neste mundo em constante mudança, é necessário continuar atualizando a si mesmo, seu conhecimento e seu intelecto, para acompanhar essa evolução perpétua. É exatamente por isso que um LMS desempenha um papel enorme para os profissionais que trabalham hoje e por que as organizações estão se esforçando ao máximo para tornar a experiência de aprendizado uma experiência bastante eficaz e agradável para seus funcionários. O conforto, os interesses e a conveniência dos alunos são alguns fatores a serem considerados aqui neste caso. No entanto, esta é a era das inúmeras distrações, e sempre há outras questões que podem dificultar a jornada do aprendizado. Manter o foco e o interesse do aluno intacto é fundamental. Embora o eLearning e os LMSs hoje possuam muitos recursos que impulsionam não apenas o crescimento dos alunos, mas também seu envolvimento, ainda existem algumas maneiras pelas quais toda a experiência de aprendizado pode se tornar mais proveitosa. Aqui estão 5 maneiras de criar uma ótima experiência de treinamento on-line para seus alunos:


1. Conheça seus alunos

Metade do trabalho já está concluída se os designers instrucionais souberem exatamente o que os alunos estão procurando na experiência de treinamento. Seus objetivos, resultados e ambições têm um grande impacto sobre o conteúdo do curso. No entanto, o conteúdo não é o único ponto focal. A maneira como o conteúdo é apresentado, os layouts, os padrões dos questionários e outros fatores têm um impacto significativo no interesse e na retenção dos alunos do curso. Seus pontos fortes e fracos também devem ser levados em consideração durante a criação de cursos. Compreendê-los, cunhar soluções para eles e personalizar o conteúdo é a maneira de mantê-los envolvidos o tempo todo.


2. Defina um objetivo e construa seu treinamento em torno desse objetivo

“O que há para nós?” Se o programa de treinamento puder responder corretamente a essa pergunta para o aluno, os designers instrucionais já venceram. O aluno precisa sentir que ganhará algo com esse curso, e isso não é apenas benéfico para a vida profissional, mas também para a vida fora do trabalho. Criar uma experiência de treinamento envolvente para os alunos não significa apenas criar cursos relevantes. Também significa apelar ao senso de propósito dos alunos e contribuir para seus objetivos. Em outras palavras, adote uma abordagem centrada no aluno para seu treinamento.


3. Torne-o interativo e confiável

Um curso on-line não é muito eficaz se não incluir elementos interativos. Para manter os alunos interessados, são necessários interação e feedback constantes. Não incluir nenhuma interação afetará não apenas o programa do curso, mas também a experiência do treinamento. Algumas formas simples e poderosas de interação incluem questionários curtos, perguntas de múltipla escolha, pesquisas e atividades rápidas de arrastar e soltar. A adição desses elementos após a conclusão de um capítulo ou módulo pode despertar significativamente o interesse dos alunos e fazer com que eles procurem mais.


4. Introduzir uma abordagem de microlearning

Os métodos tradicionais de educação podem ter funcionado na escola, mas certamente não funcionam quando um profissional está tentando aprimorar suas habilidades e conhecimentos com um LMS. Aqui, a introdução de uma abordagem de microlearning é uma solução ideal, onde o conteúdo é dividido em informações de tamanho reduzido, eliminando tópicos desnecessários e economizando tempo e energia. O objetivo é divulgar as informações das maneiras mais eficazes e interessantes que garantam compreensão e retenção. Para implementar o mesmo, é preciso criar formatos para o microlearning primeiro. E, para que isso aconteça, primeiro você precisa entender o público e seus requisitos. Em segundo lugar, é preciso garantir que o tamanho do conteúdo seja conciso e que haja mais uso de elementos multimídia. Vídeos, infográficos, gamificação, e-mails, podcasts e questionários são algumas maneiras eficazes de incorporar o microlearning ao seu treinamento on-line.


5. Use cursos on-line personalizados e caminhos de aprendizado

A criação de caminhos de aprendizado personalizados para os alunos ajuda a prever o curso do programa e, portanto, planejar seu passo adiante. Cada funcionário / aluno é diferente e único e seus cursos também devem ser. Ao personalizar o conteúdo e o caminho do curso, eles também obtêm clareza sobre seus objetivos. Para ter um impacto maior nos funcionários, eles precisam fazer com que se sintam em casa com a maneira como são capacitados. O aprendizado é pessoal e subjetivo a cada indivíduo e o “tamanho único” não é a abordagem correta a ser escolhida quando se trata de aprendizado. A adição de recursos personalizados pode ajudar os funcionários a rastrear seus objetivos, anotar seus pontos fortes e trabalhar suas fraquezas. Isso não apenas aumentará sua confiança, mas também os manterá envolvidos no programa de treinamento.


Criar uma experiência de aprendizado on-line perfeita para todos não é a tarefa mais fácil, mas atender e prestar atenção aos requisitos dos alunos pode fazer acontecer. Um dos principais desafios enfrentados ao criar um programa de treinamento on-line bem-sucedido é manter o aluno envolvido durante todo o processo. Criar conteúdo personalizado e exclusivo e listar os objetivos e as vantagens de fazer o curso pode dar ao aluno melhores resultados. Manter o curso relevante para as necessidades dos alunos, mantendo flexibilidade, acessibilidade e outros fatores consistentes, estabelece a base perfeita para o aprendizado.


IDI Instituto de Desenho Instrucional


#desenhoinstrucional #designinstrucional #desenhoeducacional #ead #elearning #cursosonline #treinamentosonline #treinamento#desenvolvimento #conteudosead #experienciasdeaprendizagem

71 visualizações

Cadastre-se para receber cupons e novidades!