7 Dicas para Manter os Fóruns Ativos



Fóruns no eLearning permitem que os alunos se conectem e colaborem, tornando-os um complemento ideal para estratégias de instrução assíncronas e síncronas. Veja 7 dicas que podem ajudar você a integrar fóruns em seu próximo curso de eLearning:


1. Escolha a plataforma ideal.


Antes de começar a desenvolver sua estratégia de instrução para incluir fóruns no eLearning, você terá que decidir qual tipo de fórum on-line você vai usar: fórum de discussão, fórum de perguntas e respostas, fóruns de dúvidas... e qual “ambiente online usará, se eles forem um pouco relutantes em participar da discussão on-line, considere uma plataforma de mídia social que eles já estão familiarizados. Por exemplo, você pode criar grupos do Google, LinkedIn ou Facebook e convidar seus alunos para se tornarem membros.


2. Defina as regras básicas de antemão. 


Defina as diretrizes com antecedência. Os alunos devem saber seu papel nos fóruns on-line, e tambem como eles devem se comportar ao interagir com seus pares. Quantas vezes eles são esperados para postar? Eles podem iniciar sua própria discussão criando um novo post? O tutor irá mediar? Vale nota? Posso postar sobre qualquer assunto ou apenas seguir o tema? Além disso, que eles saibam o que é apropriado e quais são as consequências ao postar comentário desrespeitoso: Netqueta!


3. Dissemine a ideia. 


Os fóruns dão ao seu público um lugar para compartilhar suas ideias e explorar o assunto fora do ambiente tradicional de eLearning. Como tal, a presença do facilitador deve ser mínima se você está tentando incentivar a colaboração baseada em pares. Guie a discussão on-line postando uma pergunta, pensamento ou idéia, e então deixe eles seguirem. Monitore a conversa para garantir que ela permaneça no tópico, mas dê a seus alunos a oportunidade de compartilhar suas habilidades e percepções uns com os outros sem interrupção.


4. Crie grupos menores para alunos relutantes. 


Mesmo que muitos alunos usem a tecnologia diariamente, alguns deles ainda podem estar relutantes em compartilhar seus pensamentos e experiências em um fórum público. Nestes casos, pode ser benéfico dividir a classe em grupos menores, de 5 a 10 alunos. Isso incentiva os alunos hesitantes a participar na discussão on-line sem se sentir como se eles estivessem sendo julgados, o que leva a uma participação mais ativa.


5. Link para recursos interativos.

Você pode adicionar recursos multimídia nos fóruns, incluindo links para vídeos do YouTube, artigos e cenários on-line, que envolverão e inspirarão seus alunos. Você também pode vincular materiais de aprendizagem que você criou, como uma página dentro do curso eLearning ou uma avaliação eLearning, para que seus alunos possam atualizar sua memória e testar seu progresso. Apenas certifique-se de que os links fornecidos são relevantes para a conversa.


6. Crie uma programação de lançamento.

Muitos alunos autônomos podem adiar a publicação se não tiverem uma programação de fórum on-line. Por exemplo, você pode pedir que criem pelo menos um post ou comentem todos os domingos. Tenha em mente que os aprendizes on-line têm de se encaixar nesta atividade de aprendizagem on-line em sua programação de treinamento. Então, dar-lhes tempo suficiente para postar e dê um toque virtual para aqueles que não tenham postado até o final da semana.


7. Conheça os muitos usos de fóruns on-line.

Fóruns on-line não são apenas para discussão par-a-par. Eles também podem fornecer aos alunos o apoio que precisam de seus instrutores ou tutores, e mantê-los atualizados com as últimas notícias sobre o curso on-line. Por exemplo, se você precisar alterar o horário do próximo evento ao vivo, basta acessar o fórum e enviar uma notificação.


IDI Instituto de Desenho Instrucional


#desenhoinstrucional #ferramentasdeautoria #articulate #storyline #storyline360 #EaD #conteudogital #criarcursoonline #elearning #cursosonline #treinamentosonline #treinamento #desenvolvimento #conteudosead #experienciasdeaprendizagem #rh #dho #EducaçãoCorporativa #Aprendizagem #GestãoDePessoas #UserExperience #GestãoDoConhecimento #professor #professora #professores #professoras

0 visualização