Como as Teorias de Aprendizagem Afetam o E-Learning?


As teorias de aprendizagem foram criadas como base para entender como as pessoas aprendem e como explicar, descrever, analisar e prever como a aprendizagem deve ocorrer. É importante que os designers instrucionais compreendam como a aprendizagem ocorre porque eles têm o desafio de ajudar pessoas a aprender. Ao compreender os pontos fortes e fracos de cada teoria de aprendizagem, podem combinar e aplicar as teorias de aprendizagem que melhor atendam às necessidades de seus alunos. Os estilos de aprendizagem também ajudam os profissionais a formular estratégias de eLearning, o que os ajuda a motivar os alunos, a reforçar seu caráter, facilitar o procedimento cognitivo, fornecer feedback rápido e preciso, identificar e atender às necessidades específicas de cada aluno e apoiá-lo durante todo o programa de aprendizagem e desenvolvimento.

Vamos dar uma olhada nas teorias de aprendizagem que foram e ainda são usadas pelos designers instrucionais em seus cursos de eLearning:

1. A Teoria Behaviorista da Aprendizagem

A teoria do aprendizado behaviorista é talvez a mais antiga das teorias da aprendizagem, usada por muitos educadores do passado para ensinar e instruir os alunos. De acordo com essa teoria, o aprendizado é uma mudança observável no comportamento do aprendiz que se origina de condições externas. Assim, esta teoria trata de provocar reações dos aprendizes e detectar quaisquer mudanças no comportamento. Coisas que invocam uma reação e uma mudança no comportamento antigo são repetidas até se tornarem um novo comportamento. A teoria do aprendizado behaviorista ainda é usada em cursos de eLearning na forma de exercícios de arrastar e soltar para classificar conceitos em diferentes categorias. O feedback é muito importante nessa teoria, pois ajuda na avaliação do comportamento correto ou apropriado.

2. A Teoria do Aprendizado Cognitivo

Alguns educadores eram da opinião de que nem todo aprendizado era mudança comportamental e, portanto, não observável. Isto levou à criação da teoria da aprendizagem cognitiva, que afirma que a aprendizagem envolve um tipo diferente de memórias, motivação e pensamento. Também afirma que a informação é armazenada na memória usando um padrão de nó que cria uma rede, onde os nós são conectados uns aos outros por meio de relações. A teoria da aprendizagem cognitiva tem ainda dois aspectos, a aprendizagem cognitiva social, que é usada no eLearning como aprendizagem social, e a aprendizagem cognitiva comportamental, que é usada no eLearning, lembrando os alunos de conceitos que já conhecem no início de um curso. Ativar os nós do cérebro relacionados ao assunto em questão.

3. A Teoria Construtivista do Aprendizado

A teoria da aprendizagem construtivista é a teoria que ainda é amplamente utilizada por profissionais de eLearning. Essa teoria afirma que os alunos interpretam e codificam as informações com base em suas próprias percepções e experiências pessoais. Os alunos trazem com eles ricas reservas de experiências que formam a base de seu aprendizado. Eles analisam, racionalizam, sintetizam e desenvolvem novas ideias ou ajustam as velhas através do filtro de suas experiências. Isso significa que os alunos aprendem melhor quando são capazes de atribuir um significado pessoal ou conexão à informação. A teoria é usada no eLearning, dando perspectivas reais aos alunos usando simulações, ou através de contar histórias, proporcionando aos alunos algo com o qual possam se relacionar ou se conectar emocionalmente.


Cada teoria oferece uma maneira diferente de ver a aprendizagem e os ingredientes essenciais que fazem a aprendizagem acontecer. Para criar um curso de eLearning eficaz para os alunos modernos, os designers instrucionais devem usar uma variedade de estratégias, tendo em mente as teorias de aprendizagem a que aderem, a fim de ajudá-los a aprender e reter melhor as informações. Cada teoria influenciou e moldou práticas e métodos instrucionais e novas teorias continuarão a fazê-lo. Assim, os designers devem começar o planejamento do treinamento identificando primeiro o objetivo e, em seguida, selecionar o quadro teórico correto ou uma combinação deles para ajudar a alcançar esses resultados de aprendizagem.


IDI Instituto de Desenho Instrucional


#teoriasdaaprendizagem #aprendizagem #construtivismo #behaviorista #conectivismo #educação #desenhoinstrucional #designinstrucional #desenhoeducacional #ead #elearning #cursosonline #treinamentosonline #treinamento #desenvolvimento #conteudosead #experienciasdeaprendizagem #rh #dho #EducaçãoCorporativa #Aprendizagem #GestãoDePessoas #UserExperience #GestãoDoConhecimento #professor #professora #professores #professoras #montarcursosonline #criarcursosonline #criarcursos #montarcursos

0 visualização