Designer Instrucional: além do SCORM domine xAPI!


Se você é desenhista instrucional ou envolvido com educação a distância já deve ter ouvido falar em SCORM. E como a maioria, pode não compreender bem do que se trata. Pode parecer estranho estarmos falando em SCORM quando já existe um padrão mais recente, o Experience API (xAPI), que pretende substituí-lo. Ocorre que provavelmente ainda iremos conviver por muito tempo com o SCORM e o xAPI (também conhecido como Tin Can API). Então acredito que valha a pena entendermos o contexto e tentarmos projetar o que venha a ser o novo paradigma em EaD. Apesar dos chamados TBC´s (treinamentos baseados em computador) evoluírem bastante, apresentando recursos multimídia sofisticados, seu desenvolvimento e uso através de programas proprietários, com conteúdo e mecanismos de navegação intimamente acoplados a esses programas, impedia ou dificultava a reutilização de conteúdo.


Um objeto de aprendizagem (OA) feito para um ambiente virtual de aprendizagem (AVA) - aqui usamos AVA como sinônimo de LMS (Learning Managed System, em português, Sistema de Gestão de Aprendizagem) - feito por uma empresa não era aproveitável por um AVA de outra instituição, o que forçava cada núcleo de aprendizagem a desenvolver independentemente os mesmos conteúdos instrucionais.


Com a crescente adoção do xAPi, os fornecedores provavelmente preencherão lacunas nas necessidades funcionais com soluções criativas. O xAPi é uma especificação estritamente definida que resolve um problema significativo (comunicação de dados de rastreamento), mas não é de forma alguma uma panacéia.


Várias tecnologias de aprendizado fornecem suporte para o xAPi. Essas tecnologias se enquadram em três categorias principais: ferramentas de desenvolvimento de provedor de atividades, ano de dados de bregistros de aprendizado e ferramentas de análise.


Banco de Dados de Registros de Aprendizagem (LRSs) ou (aplicativos de armazenamento de dados para as declarações e resultados das atividades de aprendizado). Os LRSs são essencialmente aplicativos de armazenamento de dados para as declarações e resultados das atividades de aprendizado. Um LRS pode ser um aplicativo independente ou você pode construí-lo em um LMS.


Outros produtos precisam trabalhar com o xAPi para criar valor funcional abrangente para as partes interessadas. Algumas dessas necessidades funcionais incluem:


  1. Middleware entre um provedor de atividades e um LRS para validar, filtrar e processar instruções xAPi

  2. Software para visualizar, correlacionar e analisar dados xAPi e compilar relatórios


Conectores xAPi entre o LRS e aplicativos e sistemas corporativos de TI que tradicionalmente não consideramos tecnologias de aprendizado, mas que fazem parte de um ecossistema de aprendizado mais amplo


PRINCIPAIS RESULTADOS


1. Definição de xAPI: O xAPi é uma APi da web e uma especificação técnica para troca confiável de instruções de atividade de aprendizagem originárias de um curso, aplicativo ou sistema que funciona como um "provedor de atividades" e são armazenadas em um Learning Record Store (LRS). As instruções de atividade têm uma estrutura ator-verbo-objeto.


2. Alguma confusão sobre o nome: O Experience APi (xAPi para abreviar) é o nome oficial da especificação desenvolvida pela iniciativa Advanced Distributed Learning, com colaboração acadêmica e do setor. A iniciativa ADL é uma atividade de pesquisa e desenvolvimento do Departamento de Defesa dos EUA. O nome temporário usado durante o desenvolvimento do xAPi foi o projeto Tin Can, e continua aparecendo em alguns produtos com o rótulo Tin Can APi.


3. O xAPI é compatível com o SCORM: a ADL desenvolveu o xAPi em resposta à necessidade de gerenciar dados de aprendizado originados em formatos, dispositivos, aplicativos, sistemas e ambientes de conteúdo em que a especificação anterior do SCORM era datada, restrita e ineficaz. No entanto, eles projetaram o xAPi para ser compatível com o SCORM, para que as organizações possam implementar o xAPi enquanto continuam a alavancar seus investimentos em conteúdo baseado em SCORM.


4. O xAPI não está conectado a um navegador da Web ou LMS: Ao contrário do SCORM, o xAPi pode ser usado com ou sem um navegador da Web e com ou sem um LMS. Isso oferece liberdade e opções na implantação do programa de aprendizagem em situações em que um LMS ou navegador pode não ser apropriado, como ajuda on-line incorporada a um aplicativo de desktop, um jogo instrucional ou uma solução de suporte ao desempenho na forma de um aplicativo móvel.


5. O xAPI suporta o aprendizado móvel: o xAPi pode ser implementado em um eBook, navegador móvel ou aplicativo móvel e é capaz de trabalhar nos modos online e offline.


6. O xAPI suporta uma ampla variedade de modelos de aprendizado: embora você possa usar o xAPi para rastrear os mesmos tipos de dados que o SCORM em cursos, testes e pesquisas, ele também pode rastrear experiências e interações em ambientes de aprendizado não suportados pelo SCORM, como como mídias sociais, jogos e simulações envolventes, soluções de suporte ao desempenho e ambientes informais de aprendizado.


7. O xAPI suporta estratégias avançadas de avaliação: Você pode usar o xAPi para rastrear dados granulares de tipos familiares de avaliações on-line, que podem incluir uma variedade de tipos de perguntas, pools, pontuação, classificação etc. Você também pode usar o xAPi para avaliar o desempenho de uma tarefa ou processo, produção de um produto final e outras formas de desempenho demonstrado, seja em um cenário da prática ou da vida real. Você pode coletar dados de avaliação de desempenho periodicamente ou continuamente. Você pode conscientizar o artista da avaliação ou avaliá-lo no modo “furtivo".


8. O xAPI permite incorporar o aprendizado no fluxo de trabalho: Você pode usar o xAPi para fornecer programas de aprendizado no local de trabalho que rastreiam uma mistura de aprendizado formal com tarefas de trabalho e resultados reais. Por exemplo, os funcionários podem concluir um curso, executar uma série de tarefas de trabalho usando um sistema corporativo, como SharePoint, SAP ou Portal, receber algum treinamento de um especialista e compartilhar seus resultados de aprendizado com outras pessoas. Todas as atividades de aprendizado podem ser rastreadas usando o xAPi.


9. Três principais categorias de ferramentas suportam a xAPI: provedores de atividades, LRSs e ferramentas de análise de aprendizado. Os provedores de atividades são produtos que você pode usar para desenvolver conteúdo que as instruções de atividade xAPi podem rastrear, como ferramentas de autoria, sistemas de gerenciamento de conteúdo de aprendizagem, sistemas de aprendizagem social, sistemas de gerenciamento de experiência e aplicativos corporativos. LRSs são produtos que coletam e armazenam declarações de atividades; eles podem incluir produtos LRS independentes ou LMSs habilitados para xAPi. As ferramentas de análise podem ser incorporadas a alguns produtos LRS ou podem ser soluções corporativas de TI, como o iBM Cognos ou o SAP Business Objects.


Conheça mais sobre o uso do xAPI em seus cursos online nas postagens anteriores de nosso blog. Lá você vai entender porque é tão importante você dominar essa competência e porque é impreenscindivel que assuma essa responsabilidade para continuar atuando como Designer Instrucional.


IDI - Instituto de Desenho Instrucional


#educação #desenhoinstrucional #designinstrucional #desenhoeducacional #ead #elearning #cursosonline #treinamentosonline #treinamento #desenvolvimento #conteudosead #experienciasdeaprendizagem #rh #dho #EducaçãoCorporativa #Aprendizagem #GestãoDePessoas #UserExperience #GestãoDoConhecimento #professor #professora #professores #professoras #montarcursosonline #criarcursosonline #criarcursos #montarcursos #scorm #xApi

0 visualização